!css

Os bons conselhos

Porquê aproveitar?

Você tem planos : comprar uma casa, casar ou… preparar a sua reforma.

A sua empresa ajuda-o a prepará-los, colocando à sua disposição planos de poupança para os empregados.

Podem permitir-lhe poupar mais rápida e facilmente do que se o estivesse a fazer a título individual. De facto, a sua empresa negociou em seu nome tarifas mais atraentes do que se estivesse a poupar sozinho e ela assume as suas despesas de conta, desde que esteja empregado. Seria uma pena não aproveitar plenamente !

Economizar para a reforma, uma necessidade

A reforma por partilha não cobre 100% do último salário e o envelhecimento da população agrava esse desequilíbrio.

Como resultado, para manter o seu padrão de vida será preciso recorrer a uma poupança adicional que permitirá, no momento da reforma, receber um montante fixo e/ ou uma anuidade.

Se tiver a impressão de ter tempo. Pense duas vezes ! A reforma será a maior despesa da sua vida. De facto, você vive mais tempo e mais saudável. Esta é uma muito boa notícia, mas isso significa mais gastos de lazer, por exemplo. Pode estar reformado um terço da sua vida, o que corresponde a poupar para uma "férias" de 25 anos ou mais. É fácil ser tomada pelo quotidiano e adiar, mas se pensar, poupar um tal montante precisa de ser feito desde agora.

Comece a poupar assim que possível

Cada euro poupado permitirá, com o tempo, gerar ganhos de capital. O ideal é por isso poupar o mais rapidamente possível e pensar de vez em quando em reavaliar o valor que deseja colocar de lado.

Colocando 1000 € de poupança por trabalhador por ano, você pode ter quase € 75.000 ao fim de 30 anos, assumindo um retorno anual de 5% *.

As mais-valias podem, portanto, contribuir tanto para a formação de capital como o próprio esforço de poupar. Para acumular o mesmo património em 10 anos, seria preciso multiplicar o seu esforço de poupanças anuais por mais de 5 ! Por outras palavras, comece a poupar o mais depressa possível…

Como poupar menos e tocar mais…

  • Começando a poupar aos 25 anos
Poupança mensal 100 €
Poupança total 48 000 €*
Capital aos 65 anos 183 400€*
  •  Começando a poupar aos 45 anos
Poupança mensal 300 €
Poupança total 72 000 €*
Capital aos 65 anos 132 400€*
* Pressupostos com uma taxa de retorno anual de 5%, antes de impostos e eventuais descontos à segurança social.